Prefeito de Jussara amarga rejeição recorde

Depois de pouco mais de dois anos de governo, o prefeito da cidade de Jussara, Tacinho Mendes, tem sofrido uma rejeição recorde. Com a promessa de fazer uma gestão inovadora, o atual prefeito se elegeu com pouco mais de 500 votos de frente. Essa semana, aliados antigos começaram a externar a decepção e invadiram as redes sociais com posts direcionados ao gestor. "Em 2024 talvez ele ache outras pessoas para enganar. Ninguém é insubstituível", postou uma internauta.

Nos bastidores da política local já se fala na sucessão de 2024 em todos os cantos da cidade e da possibilidade do atual vice-prefeito, Ronaldo, ser o cabeça de chapa devido ao péssimo governo de Tacinho. "Quem for candidato pela oposição leva a eleição fácil", disse um ex-seguidor do prefeito.

Fonte: Irecê Acontece

Últimas Notícias