População de Xique-Xique convive com água misturada a esgoto

A cheia do Rio São Francisco causou, mais uma vez, transtornos para a população de Xique-Xique, nordeste da Bahia. A água do rio misturada a dejetos e sujeira vindos da lagoa de tratamento, que recebe o esgoto da cidade, tem invadido bairros e casas. Os moradores reclamam ainda do insuportável mau cheiro.

Ciente da denúncia, o deputado estadual Jacó (PT) responsabilizou o prefeito Reinaldo Braga Filho (MDB) pelo que chama de "barbaridade".

Jacó já tinha feito, no início deste ano, um alerta sobre as mazelas do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), o que tem levado a situações constrangedoras à população do município.

A denúncia aponta ainda que a água que chega nas torneiras é suja e imprópria para consumo. Jacó já apresentou representação no Ministério Público da Bahia para que as ilegalidades de atos administrativos referentes ao processo de privatização do serviço de Xique-Xique sejam apuradas. Fonte: Portal a Tarde

Últimas Notícias