Guedes culpa Mandetta por atraso na compra de vacinas: “Saiu com R$ 5 bilhões no bolso”

Em meio a um impasse na compra e distribuição de vacinas no combate ao coronavírus, o ministro da Economia, Paulo Guedes, culpou o ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta, pelo atraso no processo de vacinação no Brasil.

Segundo Guedes, o gestor teve recursos para a compra dos imunizantes durante o período em que esteve no comando da pasta durante a pandemia. “A entrega da vacina não está atrasada só agora, não (…) No primeiro dia, Mandetta saiu com R$ 5 bilhões no bolso. É desde aquela época que deveríamos estar comprando vacina, não é mesmo? O dinheiro estava lá”, declarou, em entrevista à CNN, nesta quarta-feira, 16.

Ainda conforme o especialista em economia, o desalinhamentos entre os poderes, e a sensação de controle da pandemia foram fundamentais para que o país chegasse nesta situação.

“Era possível ter sido mais rápido? Sim. Era possível que a mídia fosse mais construtiva? Era possível que os governadores ajudassem também? O dinheiro foi para os estados. Então, por que os leitos foram desativados? Pois todos nós achávamos que a pandemia estava indo embora”, disse.

Últimas Notícias