Figueredo conduz a 13ª sessão Ordinária da Câmara Municipal de Irecê

O presidente Figueredo repetindo o protocolo de início em todas as sessões que preside disse o seguinte: “Sob a proteção de Deus, em nome do povo de Irecê, iniciamos nossos trabalhos, peço ao primeiro secretário, o vereador Pedro Sodré, que faça a leitura de um trecho bíblico e peço a todos que fiquem de pé”.

 O texto bíblico lido pelo vereador Pedro Sodré foi: “O Deus eterno disse a Arão:  Nem você nem os seus filhos podem entrar na tenda sagrada depois de terem bebido vinho ou cerveja, se fizerem isto morrerão! Todos os seus descendentes também deverão obedecer a essa lei!” - Levítico 10:9 segundo a Nova Tradução na Linguagem de Hoje.

As matérias encaminhadas à mesa na 13ª Sessão que foi lida pelo 1º Secretário:

Moção de congratulação número 17/2022: O vereador Toinho do judô propôs moção de aplausos ao Canaã Esporte Clube, pelo primeiro título oficial de campeão pela copa 2 de julho na categoria sub-15 e ao atleta Bruno Júnior como o artilheiro do campeonato.

Moção de aplausos número 18/2022 ao atleta de Muay Thai Ícaro Ribeiro da Silva proposta pelo vereador Fabiano Bia: “ele trouxe para casa o título de campeão brasileiro de Muay Thai em 2019, campeão norte nordeste 2019 e campeão de grandes eventos na Bahia e no estado de São Paulo, sempre representando a cidade de Irecê pelo Brasil.  Foi também campeão dos eventos pioneiros em todas as micro região de Irecê desde 2007” – Disse o vereador na sessão

Moção de repúdio número 19 de 2022.  A moção de repúdio aos atos de feminicídio e de violência contra mulheres ocorridos em nossa cidade e região encaminhada a casa do povo pela vereadora Izânia. Em sua fala a vereadora foi incisiva: “A palavra feminicídio se refere ao assassinato de mulheres e meninas por questões de gênero, ou seja, em função de menosprezo ou discriminação, [...] Trata-se de um crime de ódio, no qual a motivação da morte precisa estar relacionada ao fato de a vítima ser do sexo feminino.

O vereador Murilo abordou sobre a reação de momento e temporário da sociedade quando ocorre um feminicídio: “Não é uma causa das mulheres, é uma causa de todos, de toda a sociedade, e é uma questão social, de respeito”. Ressaltou a importância de haver uma “rede de proteção do grupo” e buscar sempre a “prevenção do feminicídio” e afirmou que não adianta protestar “quando acontece um feminicídio e a sociedade se revoltar” não tem apenas que “fazer uma mobilização naquele momento e parar de discutir”

Com emoção, indignação pelo feminicídio o vereador Murilo conclamou representantes da imprensa presentes na sessão a uma ação de não divulgação das alegadas justificativas do autor. Segundo o vereador Murilo, a justificativa é nula, ineficiente e se trata de jogar a culpa na vítima, bem como, amenizar e tirar a responsabilidade do autor do feminicídio.

- Na condição de vereador, e presidente da Comissão de Direitos Humanos que a imprensa reproduza o fato do feminicídio, mas não reproduza esse depoimento ... eu já escutei alguns discursos justificando e concordando, que ele (o feminicída) teve algum motivo para tirar a vida dela

Decreto legislativo número 03/2022 proposto pelo vereador Magno Dourado que concede título de cidadão Ireceênse ao senhor Renan rocha Alves, conhecido como o professor Renan.

  • O presidente Figueredo encaminhou às comissões competentes os seguintes itens:

    Projeto de lei número 20/2022 de autoria do poder executivo que altera a denominação da Escola Municipal Luiz Viana Filho, localizada na rua Horácio Fernandes, s/n - São Francisco / Irecê Bahia para a escola municipal, professor é Edvanilson Alecrim Machado
  • Projeto de lei número 21/2022.   Em que cria o referencial curricular do ciclo de formação humana RCCFH para a rede municipal de educação de Irecê.
  • Projeto de lei número 22, barra 2022 do executivo que cria e denomina a escola Municipal de educação infantil professor Paulo Freire, localizado na Rua Rio de Janeiro, 183, no bairro do Fórum Irecê, Bahia. 
  • O projeto de lei complementar número 02 de 02/06/2022, altera a lei complementar número 19 de 2/10/2017, que institui o novo código tributário e de rendas do município de Irecê da outras providências.

Pedido de providência número 30/2022 do vereador Magno Dourado, solicita a restituição do busto de Faustiniano Lopes Ribeiro, a denominação do calçadão de Irecê.

Pedido de providências número 31/2022. Do vereador Pedro Sodré ao poder executivo municipal, através da Secretaria competente, que ocorra a “ampliação e extensão dos horários de funcionamento do Mercadão até às 18:00 durante todo o mês de junho”. Para o vereador Tertinho é necessário antes conversar com o setor que administra o Mercadão de Irecê: “precisa conversar antes com a equipe administradora do Mercadão, para eles também falarem” e haver mais orientação, gestão de pessoas, horário de trabalho pois o horário de abertura é muito cedo: “O Mercadão abre às 6:00 da manhã” informando que para a extensão até as 18 horas, há a necessidade de o setor responsável organizar, contratar e ou realizar os arranjos necessários.

Requerimento 06/2022, de Erlan Figueredo para a realização da sessão itinerante ser realizada no povoado do Mocoseiro. Na oportunidade, o vereador Magno sugeriu: “Eu sugiro aos novos vereadores, como o plenário é soberano, que a gente votasse que toda a sessão itinerante fosse no período noturno” para ser mais abrangente e participativo do moradores do local.

Requerimento 07/2022 de Toinho do Judô fundamentado nos artigos 34 e 54 do regimento interno, requere que seja encaminhado ao plenário o pedido de sessão especial em homenagem a todos os pastores e líderes religiosos pelos serviços prestados durante a pandemia do COVID-19

Projeto de lei do legislativo 12/2022 de autoria do vereador Fabiano Bia, dispõe sobre a colocação de banheiros químicos adaptados a necessidade de pessoas com deficiência nos eventos realizados no município de Irecê.

A sessão teve o protesto inconformado do vereador Primo em decorrência da gestão pela empresa Soma Park. Segundo relatos populares que o vereador levou ao plenário, há grave insatisfação da cidadãos quanto a fatos que não se trata de lenda urbana, e há suspeitas de atos premeditados e planejados pelos agentes da empresa em aplicar a multa de maior valor do que realizar a cobrança da tarifa mínima.

- Quando você para seu carro, você procura alguém para pagar o estacionamento! Você não acha. Quando você volta já está lá a multa de R$ 16,00. Até parece que é combinado! Eles se escondem, que é para o povo não pagar os 2,80 porque é melhor (para eles), o cara pagar 16, do que 2 e 80. Disse o vereador.

Presidente Figueredo faz convite para o jogo do Estrela Azul e faz relato sobre as perspectivas da faculdade de medicina de Irecê

Eu um aparte na sessão o presidente Figueredo convidou a população em geral e todos os presentes para neste, sábado 04/06/2022 estarem no bairro Boa Vista, onde acontecerá a primeira semifinal do campeonato Marcionílio Rosa, quando enfrentarão as equipes do Estrela azul X Tops do Morro.

O presidente Figueredo elogiou a comissão organizadora e parabenizou todos os clubes que passaram pela “competição e junto com os moradores ali do bairro Boa Vista e as pessoas que frequentam ali o estádio, que abrilhantaram todos os jogos que até aqui, ocorreram no estádio Marcionílio Rosa.”

Na conclusão do convite reforçou com as seguintes palavras: “Eu quero aqui reforçar o convite aos vereadores, a toda a população de Irecê, aos internautas que estão nos assistindo nesse momento pelas redes sociais” E também informou o horário. O jogo “acontecerá às 15 e 30 do sábado, e sem dúvida, será uma grande partida da equipe do Estrela azul e dos Tops do Morro.

Mudando de assunto rapidamente, o presidente Figueredo relatou que na última terça-feira, (31/05/2022) ele esteve em visita à faculdade de medicina, na cidade de Brumado: “Eu tive a honra de estar presente com a e engenharia e a equipe da faculdade, os funcionários, e o coordenador geral da faculdade UNA”

Figueredo disse ter ficado encantado com o que viu na cidade de Brumado, inclusive na parte do desenvolvimento do município. E com animação e entusiasmo, relatou: “Brumado, que é uma cidade, semelhante a que a Irecê... É uma cidade que está muito bem desenvolvida, muitos empreendimentos e a geração de emprego e renda. E com esse campus lá da universidade, a cidade de uma aquecida.”, ou seja, com esta palavras deseja que aconteça também em Irecê o mesmo evento de desenvolvimento, aquecimento no comércio, empreendedorismo e etc.

Nas palavras do próprio Figueredo: “Aqui para o município de Irecê é mais um avanço que nos próximos dias será entregue aqui a população e não tenho dúvida que será mais investimento, mais geração de emprego e renda aqui para o nosso município”

Presidente Figueredo ouviu Ubaldino Batista Sampaio da Associação de Artista da Região de Irecê sobre as condições e foi aplaudido em apoiar a classe musical

Na parte denominada de “tribuna livre” é concedido aos cidadãos a oportunidade de relatarem, solicitarem, exporem suas causas, antes aos vereadores eleitos representantes do povo.

Na sessão, Figueredo recebeu na tribuna do povo “o presidente da associação de bandas e artistas da região de Irecê”, o senhor Ubaldino Batista Sampaio Junior, popular “Bado”. Bado teve o uso da tribuna garantido por 15 minutos “para falar sobre os festejos juninos aqui do município de Irecê, em especial sobre a classe musical.”

A primeira parte das falas de Bado foi uma solicitação de apoio dos vereadores para que se possa ocorrer entre as partes uma reunião com o prefeito municipal e a secretaria de cultura e os responsáveis pelos festejos juninos de 2022:

- Eu quero aqui pedir apoio a vocês vereadores para que nós saiamos daqui hoje, e podermos ter uma reunião com o gestor municipal, o prefeito Elmo, para ele tomar conhecimento, do que está acontecendo com os artistas aqui em Irecê

Segundo Bado, as contratações não estão contemplando os artistas da região de Irecê de forma satisfatória e ampla como se esperava que iria acontecer. No relato aos vereadores na tribuna Livre, disse que houve a contratação de 50 artistas, e poderia haver mais contratações para contemplar os povoados.

A solicitação na tribuna livre teve o objetivo de solicitar ao poder executivo municipal por meio das festividades juninas contratações que viesse beneficiar a classe artística, bem como os proprietários de equipamentos de som, palco, iluminação para as festividades nos povoados.

Em resposta ao Bado da HABARI (ASSOCIAÇÃO DE BANDAS E ARTISTAS DA REGIÃO DE IRECÊ) o presidente da casa do povo Figueredo informou do seguinte: “nós vamos provocar essa reunião e quero deixar aqui bem claro para vocês, em nome de todos os vereadores aqui dessa casa, se precisar de uma contrapartida financeira, essa casa está pronta para poder fazer da nossa contrapartida para poder atender a classe musical”, momento em que ocorreu uma breve salva de palmas à fala do presidente da casa.

Últimas Notícias