Boletim da Fiocruz aponta maior colapso sanitário e hospitalar da história do Brasil

Pesquisa indica que 24 estados e o DF estão com taxas de ocupação de leitos de UTI adultos para Covid-19 iguais ou superiores a 80% no SUS

 

Uma análise da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) indica que o Brasil vive o maior colapso sanitário e hospitalar da história do país. A análise foi feita a partir da edição do boletim extraordinário do Observatório Covid-19 da Fiocruz publicada ontem (16) .

O boletim mostra que 24 estados e o Distrito Federal estão com taxas de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adultos exclusivos para o tratamento do coronavírus iguais ou superiores a 80% no Sistema Único de Saúde (SUS). Destes, 15 estão com índices maiores do que 90%. Das capitais, 25 registram a partir de 80% de lotação. Dentre elas, 19 estão com mais de 90%.

A pesquisa da fundação coleta dados das Secretarias estaduais de Saúde e do Distrito Federal, e secretarias de Saúde das capitais.

Últimas Notícias